Início do Advento

IMG_0793

INÍCIO DO ADVENTO
RITO PARA A COROA DE ADVENTO NO PRINCÍPIO DA CELEBRAÇÃO

(Na capela-mor, perto do órgão, quatro velas acesas são transportadas por quatro pessoas : jovem, adulto, idoso e uma criança)

Eis a história de quatro velas
que ardiam e se consumiam tranquilamente.
O ambiente estava tão silencioso e pacato
que se podia ouvir o diálogo entre elas…

 

(O jovem dá um passo em frente)
A primeira disse
“Eu sou a «Paz»!
Apesar de toda a minha luz,
as pessoas já
não conseguem
manter-me acesa”.
e diminuindo a luz da sua chama,
apagou-se totalmente.
(O jovem apaga a vela, coloca-a na coroa e sai)

(O adulto dá um passo em frente)
A segunda vela disse
“Eu chamo-me «Fé»!
Infelizmente, tornei-me supérflua
para muitas pessoas
que não querem saber de Deus;
por isso não faz mais sentido
continuar a queimar-me assim”.
Ao terminar as suas palavras,
um vento se abateu sobre ela, e a vela apagou-se.
(O adulto apaga a vela, coloca-a na coroa e sai)

 

(O idoso dá um passo em frente)
Em voz baixa e triste,
também a terceira vela se manifestou:
“Eu sou o «Amor»
Não tenho mais forças para me queimar.
As pessoas põe-me sempre de lado,
porque só conseguem dar provas de amor a si próprias;
Esquecem-se de todos aqueles
que estão ao seu redor”.
… e também se apagou.

(O idoso apaga a vela, coloca-a na coroa e sai)

 

(Entra a segunda criança, dirige-se à coroa e pára olhando as velas)

De repente,
entrou uma criança.
Ao ver as três velas apagadas, disse:
“Que é isto?!…
Vocês têm que estar acesas
a consumirem-se inteiramente,
e até ao fim”!

(A criança com a quarta vela aproxima-se da criança recém chegada)
Então, falou a quarta vela:
“Não tenhas medo, menina.
Enquanto eu me mantiver acesa
poderemos sempre acender as
as outras velas”!

“Eu sou a «Esperança»

(A criança sem vela pega num fósforo e acende-o na vela da Esperança e com ele acende as velas apagadas que se encontram na coroa. Depois a outra criança coloca a vela em falta na coroa)

A menina, com o fogo da vela da
ESPERANÇA…
acendeu as outras velas
que estavam apagadas.
Aproxima-se o tempo do Advento, tempo de esperança e preparação.

Não deixemos que a ESPERANÇA se apague dentro do nosso coração, procurando na FÉ abrir o nosso coração à ALEGRIA e à PAZ, que nascem da certeza de que Deus é AMOR e está em nós e nos outros.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: